Carnaval vegano: é possível aproveitar a folia respeitando os animais!

Oi, pessoal! Como já sabemos, o veganismo é muito mais do que uma dieta. Ele é uma filosofia de vida, que deve ser vivida sempre, inclusive nos momentos em que pode parecer mais difícil. Ter um Carnaval vegano, por exemplo, parece complicado, mas é mais simples do que você pensa.

Se esse é o seu primeiro Carnaval depois de se tornar vegano, confira as nossas dicas e descubra como é possível aproveitar a festa sem esquecer da preocupação com os animais e com o meio ambiente. Afinal, o veganismo também deve prezar pela sustentabilidade! 

Opte pelo glitter ecológico

Talvez você nunca tenha parado para pensar nos malefícios do glitter. Mas a verdade é que além de ser nocivo para a nossa saúde, ele é extremamente prejudicial para o meio ambiente. 

Isso porque o produto leva microplásticos em sua composição. Esse componente representa 85% do lixo plástico encontrado no meio ambiente, que prejudica a vida marinha e demora muito tempo para se decompor. Mas Carnaval sem glitter não é a mesma coisa, não é? 

É possível fazer um Carnaval vegano utilizando glitter ecológico. Existem diversas marcas no mercado que são veganas e biodegradáveis. Assim, você pode brilhar na folia com a consciência tranquila!

Crie a sua própria fantasia respeitando o meio ambiente

Quantas outras oportunidades você tem no ano para se fantasiar? A resposta possivelmente seja nenhuma ou quase nenhuma. Por isso, pensando na ideia do consumo consciente, o ideal é que você faça a sua própria fantasia reaproveitando peças de roupas velhas, utilizando apenas materiais biodegradáveis e o mais importante: sem penas e plumas.

Com criatividade, boa vontade e um pouco de planejamento, você consegue criar uma fantasia incrível sem prejudicar o meio ambiente. Escolha aquela que você mais gosta e reproduza na sua casa. Além de toda questão ambiental, você terá um look exclusivo, diferente das pessoas que optam por comprar tudo pronto.

Evite usar descartáveis na rua

Se você é daquelas pessoas que gosta de aproveitar a folia carnavalesca nos bloquinhos de rua, sabe bem a quantidade de lixo que se acumula nesses locais durante a passagem da multidão. A maior parte desses resíduos é de material descartável, como copos plásticos e canudos. Evite ao máximo utilizar esses itens. Para isso, a dica é levar um canudo ecológico de casa. O mesmo serve para o copo.

Além disso, os confetes também acabam gerando muita sujeira nas ruas e, consequentemente, entupindo bueiros e indo parar nos rios e mares por aí. Então, que tal pensar fora da caixa e fazer os seus próprios confetes para aproveitar a festa? É só juntar flores e folhas secas, caídas das árvores, deixar secando ao sol e depois utilizar os furadores de papel para criar os confetes. Vai ficar incrível!

Use maquiagem vegana

O carnaval é a festa das cores. Elas estão muito representadas não somente nas roupas, mas também nos rostos dos foliões. Além disso, muitas pessoas pintam o corpo com tintas e maquiagens, compondo as fantasias. 

Então, para ter um Carnaval vegano, não esqueça de utilizar maquiagens veganas. Ou seja, as que não têm nenhum produto de origem animal em sua composição e cujas marcas são cruelty free (que não realizam nem terceirizam testes em animais).

Agora que você já sabe que é superpossível conciliar a folia com a sua filosofia de vida, chegou a hora de contarmos que hoje já existem, inclusive, blocos veganos em algumas cidades do Brasil, como o Rio de Janeiro e São Paulo. Se na sua cidade ainda não existem bloquinhos assim, que tal encabeçar esse movimento local por um Carnaval vegano?

Gostou desse texto? Então, compartilhe nas suas redes sociais e convide seus amigos para fazerem parte desse Carnaval vegano com você. Nunca é cedo para começar a planejar a folia!

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
E RECEBA CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

Fechar Menu
Share This