Conheça os principais tipos de dietas vegetarianas

Há vários tipos de dietas vegetarianas para quem se interessa em adotar uma alimentação mais saudável, pretende ter mais consciência do que come e, até mesmo, para quem está buscando outras formas de se relacionar eticamente com a natureza.

Independentemente do motivo, a dieta vegetariana significa uma mudança na sua alimentação e, consequentemente, na sua aquisição diária de nutrientes. Por isso, é sempre importante falar com um especialista na área de nutrição e/ou de nutrologia, antes de embarcar nessa. Isso é necessário porque, muitas vezes, é preciso adotar algum tipo de suplementação referente à falta do consumo de uma vitamina, chamada B12, encontrada de forma sintética nos produtos de origem animal.

A seguir, você confere vários tipos de dietas vegetarianas e pode ter, inclusive, uma boa ideia de como começar, se for esta a sua intenção. Veja só!

Dieta semivegetariana ou flexitarian

A maior parte das pessoas que decide adotar um estilo de vida mais saudável costuma começar diminuindo a quantidade de carne na alimentação, substituindo-a por outros alimentos. Em geral, começa-se a comer carne três vezes por semana e, aos poucos, a pessoa vai diminuindo ainda mais essa frequência.

Esse tipo de dieta, que se caracteriza por pouca quantidade de carne, pode ser o início de uma dieta vegetariana, mas como ainda apresenta refeições que incluem o alimento, é considerada semivegetariana ou flexitarian, ou seja, é apenas uma iniciação vegetariana.

Dieta ovolactovegetariana

Apesar de não conter carne, a dieta ovolactovegetariana não é tão restritiva, pois os adeptos continuam se alimentando de ovos, leite e derivados. É, inclusive, uma forma de alimentação mais adaptável ao meio social.

Como esses alimentos recebem adição de vitaminas de forma sintética, podem suprir uma necessidade mínima do complexo de B12. Mesmo assim, o indicado é realizar exames de rotina para acompanhar a eficácia da absorção desses nutrientes.

Dieta vegetariana

A gente costuma pensar que vegetarianos são as pessoas que comem somente vegetal, não é mesmo? Mas a palavra vegetarianismo vem de “vegethus” e seu sentido tem a ver com as palavras “força” e “vigor”.

Os vegetarianos não se alimentam de nada que derive de ovos, leite e carne e, conforme demonstram as pesquisas, estão mais livres de doenças cardiovasculares e diabetes. Mesmo tendo uma dieta considerada saudável, é sempre importante conversar com uma nutricionista para saber como receber nutrientes desse tipo de alimentação, pois, em alguns casos, é preciso fazer uso de suplementos alimentares.

Veganismo (dieta vegetariana estrita)

O veganismo não é uma dieta, mas sim um estilo de vida, que vai muito além da alimentação. A dieta de um vegano é o vegetarianismo estrito.

Além de não consumir nenhum produto de origem animal, como carne, leite, ovos, mel, corante Carmim etc, o vegano não utiliza nada que venha de origem animal ao se vestir (lã, couro, seda), ao utilizar cosméticos e produtos de limpeza. Também não utiliza produtos que tenham sido testados em animais ou que signifiquem, de alguma forma, maus tratos. Veganismo é uma mudança de atitude total em relação ao que se consome e preza pela libertação animal em todos os aspectos.

Viu só? Há vários tipos de dietas vegetarianas que você pode adotar para ter uma alimentação mais saudável, consciente e equilibrada.

Ainda tem dúvidas sobre este assunto? Escreva aqui nos comentários!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
E RECEBA CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

Fechar Menu
Share This