Como identificar marcas veganas para seguir essa filosofia de vida

marcas veganas

Uma pesquisa revelou que cerca de 30 milhões de brasileiros se declaram vegetarianos. A estimativa da Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB) é que esse grupo reúna aproximadamente 7 milhões de veganos. É um número considerável de pessoas aderindo a esse estilo de vida, não é? Para quem está entrando agora nesse universo, talvez a principal dúvida seja identificar as marcas veganas no mercado.

Afinal, como descobrir se um produto tem ingredientes de origem animal ou se foi testado em animais? Continue aqui com a gente e entenda o que levar em consideração ao pesquisar sobre as marcas para saber se elas são veganas ou não. Boa leitura!

O que são as marcas cruelty-free?

O termo cruelty-free significa “livre de crueldade”. São aquelas marcas que não se utilizam da dor ou que não abatem animais para testes. A instituição Cruelty Free International (CFI) criou o “Leaping Bunny”, que nomeia as marcas comprometidas a não testarem os produtos em animais e a não comprarem ingredientes de fornecedores que optam por essa prática.

Para ganhar o selo, a empresa precisa passar por um rigoroso processo de avaliação realizado pela instituição, em que cada etapa da fabricação do produto é verificada. O intuito é certificar que não houve o uso de pelo menos um ingrediente de origem animal. No site da CFI, há uma lista das empresas que ganharam o selo e que você já pode anotar para conhecer as marcas veganas.

O que observar para saber se a marca é vegana?

Além de procurar os selos que certificam a procedência vegana da empresa, é importante checar se ela faz uso de animais em seus processos ou em pelo menos alguma das etapas. Veja alguns itens que caracterizam uma marca vegana:

  • não testa nem terceiriza testes em animais;

  • não oferece produtos de origem animal (total ou parcialmente);

  • não tem sócios que fazem testes em animais;

  • não patrocina hipismo, vaquejada, rodeios, desfiles de moda que usam peles de animais, ou qualquer outro evento em que há exploração animal;

  • não usa matéria-prima ou ingredientes que foram testados em animais;

  • não comercializa em países que exigem testes em animais (como a China).

Outra dica é você ir até o site da empresa em questão e pesquisar sobre a forma de produção dela. Também é interessante buscar na internet algumas informações em sites que divulgam como é o trabalho de empresas não veganas.

Quem vem se destacando no mercado vegano brasileiro?

O mundo dos negócios está de olho nas demandas dos veganos para conseguir conquistar a confiança desse público, desde a alimentação até o vestuário.

Um exemplo dessa preocupação é o setor têxtil, que vem quebrando as barreiras do mercado tradicional. A Urban Flowers é um dos destaques no mercado vegano no Brasil, principalmente no ramo da moda. A empresa fabrica sapatosbolsassaias, entre outras peças de qualidade e 100% veganas.

Cecília Weiler, uma das criadoras da marca, explica que o veganismo vai além da alimentação, como é definido pelo conceito geral. Mas é um ponto de partida para todas as áreas da vida, um verdadeiro estilo a ser seguido. Em uma entrevista para um canal do YouTube, ela conta sobre sua inspiração para a criação da empresa e detalha o processo de produção da Urban Flowers. Vale a pena conferir!

Viu como é fácil identificar as marcas veganas? Procure, pesquise, pergunte, leia. Esse é o principal meio para descobrir qual é a origem do produto que você está comprando e, assim, seguir essa filosofia de vida.  

Quer acompanhar mais novidades? Curta a nossa página no Facebook e veja tudo no seu feed!

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
E RECEBA CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

Fechar Menu
Share This